Manaus Principais Notícias

Sesc Mesa Brasil abre edital para credenciamento de instituições sociais

O Sesc Mesa Brasil abriu o edital de credenciamento para instituições sociais sem fins lucrativos que desejam receber doações de alimentos e participar de ações socioeducativas. As entidades interessadas têm até o dia 20 de março para preencher o formulário, disponível em: www.sesc-am.com.br, e enviar as documentações necessárias. 

O credenciamento no banco de alimentos tem vigência de 2 anos e, para participar, a instituição precisa preencher diversos requisitos, como a cidade em que está localizada: Manaus, Careiro da Várzea, Iranduba, Manacapuru ou Rio Preto da Eva. 

Além disso, as entidades serão analisadas segundo os requisitos de elegibilidade das seguintes categorias: instituições de longa permanência;  de organização e apoio social; com atendimento destinado a famílias; e organizações religiosas que se dediquem a projetos de interesse público e de cunho social, distintas das destinadas a fins exclusivamente religiosos. 

Segundo a Diretora Regional do Sesc Amazonas, Adriana Nascimento, a abertura do credenciamento é um passo fundamental para expandir o alcance e o impacto do programa. 

“Nosso intuito é fazer com que mais organizações se juntem a essa rede de distribuição, garantindo que mais pessoas tenham acesso a refeições nutritivas por meio da distribuição de alimentos”, pontua. 

O resultado preliminar e final estão previstos para serem divulgados no site do Sesc Amazonas nos dias 22 e 30 de abril, respectivamente, conforme cronograma do edital. 

Sobre o Sesc Mesa Brasil

Com 20 anos de atuação no Amazonas, o Sesc Mesa Brasil contribui para o combate à fome e ao desperdício de alimentos. A iniciativa visa a segurança alimentar e nutricional, atendendo milhares de pessoas em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

As doações distribuídas para as instituições credenciadas são recebidas por meio de parceiros, como centrais de distribuição e abastecimento de alimentos, feiras livres, redes atacadistas e varejistas, e indústria alimentícia, que doam excedentes de produção ou produtos fora dos padrões de comercialização, mas em condições seguras para consumo. Além da doação de alimentos, também atua realizando campanhas educativas e ações de caráter emergencial.

Fonte: ASCOM SESC AM

COMPARTILHAR

Related posts

Divulgada lista dos canais de rede das concessionárias do serviço de televisão digital

Redação

Povos indígenas de Tapauá participam de ações para fortalecer atividades de subsistências

Redação

Lula conversa com papa sobre guerra na Ucrânia e combate à fome

Redação

Deixe um comentário