Política Principais Notícias

PF cumpre mandado de prisão em operação sobre atos antidemocráticos

STF também determinou quatro mandados de busca e apreensão

A Polícia Federal deflagrou, nesta terça-feira (22), a 12ª fase da Operação Lesa Pátria, que investiga os atos golpistas praticados contra as sedes dos Três Poderes, em Brasília, no dia 8 de janeiro. Nesta fase, o objetivo é identificar pessoas que participaram, financiaram, omitiram-se ou fomentaram os atos, que resultaram em “violência e dano generalizado contra os imóveis, móveis e objetos daquelas instituições”.

Segundo os investigadores, um mandado de prisão preventiva e quatro mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Os fatos investigados constituem, em tese, os crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido”, informou, em nota, a PF, sem dar mais detalhes sobre as ações de hoje.

A Operação Lesa Pátria segue em curso, com atualizações periódicas sobre o número de mandados judiciais expedidos, pessoas capturadas e foragidas.

Matéria alterada às 8h46 para corrigir informação sobre mandado de prisão: é somente um, não dois como informado anteriormente pela PF. 

Publicado por Agencia Brasil

COMPARTILHAR

Related posts

Oficinas em loja exclusiva dedicada à Páscoa é sucesso entre as crianças

Redação

Palestra ensina como empreendedoras de Manaus a terem sucesso por meio da imagem

Redação

Pós-carnaval: urologista alerta para problemas na função renal provocados pelo excesso de álcool

Redação

Deixe um comentário