Brasil Principais Notícias

OAB e Ajufe reforçam parceria para exigir pagamento de precatórios federais

O presidente nacional da OAB, Beto Simonetti, recebeu em visita institucional o presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), Nelson Alves, juntamente com sua diretoria, nesta quinta-feira (15/6), na sede do Conselho Federal. O vice-presidente nacional, Rafael Horn, participou da reunião. 

O tema central foi o calote no pagamento de precatórios federais, implementado pela EC 114/2021, que está a reduzir a confiança dos jurisdicionados nas decisões da Justiça Federal e se torna um problema a ser urgentemente solucionado. Simonetti informou que encaminhará ofício à presidência do STF solicitando a apreciação urgente da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 7064 ajuizada pela OAB para garantir pagamento tempestivo dos precatórios federais.

De acordo com o presidente nacional da Ordem, “o diálogo entre o Conselho Federal e a Ajufe é fundamental para enfrentar os desafios que se apresentam hoje no campo jurídico e, assim, garantir a efetividade das decisões judiciais no âmbito da Justiça Federal”.

Na ocasião, os magistrados federais presentes entregaram um ofício, no qual é relatada a atual mobilização da categoria, especialmente sobre o respeito à independência do Poder Judiciário e às decisões judiciais. 

O documento cita a Emenda Constitucional 114/2021, que posterga o pagamento dos precatórios da União. “Esses precatórios representam nada menos do que as nossas decisões judiciais, e a ausência de pagamento tempestivo, um verdadeiro atentado contra a nossa independência”, diz o ofício. O texto ainda ressalta que os magistrados aguardam que o Supremo Tribunal Federal (STF) julgue com urgência a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 7064, que trata do tema.

Fonte: OAB

COMPARTILHAR

Related posts

’Plantão Tira Dúvidas’ auxilia gratuitamente contribuintes de Manaus na declaração do IR

Redação

Reino Unido retira controle reforçado para carne brasileira

Redação

Governo aumenta em mais de 1 milhão vagas em escolas de tempo integral

Redação

Deixe um comentário