Brasil Política Principais Notícias

Polícia Federal investiga desembargadores do TJ do Pará e servidores do governo

Investigação começou com a análise do material obtido em operação que que investigou fraudes na compra de respiradores pulmonares pelo governo local

A Polícia Federal realiza, nesta quinta-feira (4), uma operação na capital paraense de Belém para cumprir 30 mandados de busca e apreensão expedidos pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Os alvos são desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado do Pará e servidores de vários órgãos do governo do estado.

Essa investigação começou com a análise do material obtido em 2020 com a operação Para Bellum, que investigou fraudes na compra de respiradores pulmonares pelo governo local.

Segundo um dos telefones apreendidos com o ex-chefe da Casa Civil e analisados mostravam que desembargadores do TJPA, usando dos cargos, indicavam apadrinhados para cargos comissionados para órgãos do Executivo.

Ainda de acordo com essas mensagens, o ex-chefe da Casa Civil e outros integrantes do governo para satisfazer interesses pessoais também nomeavam, indicavam ou mantinham os apadrinhados que eram mandados pelos desembargadores.

Esta operação chamada de “Quem Indica” – Q.I., tem a participação da Procuradoria da República e conta com 112 policiais federais.

CNN entrou em contato com o governo do Pará e com o Tribunal de Justiça do Estado Pará, mas ainda não obteve retorno.

Publicado por CNN BRASIL

COMPARTILHAR

Related posts

Biblioteca falsa de desembargador do TJ do Amazonas cai durante sessão online

Redação

O Sétimo Guardião: León é filho de Sóstenes

Redação

Começam hoje inscrições para o Sisu

Redação

Deixe um comentário