Esportes Principais Notícias

FIA dá prazo para Hamilton retirar piercing, piloto responde: ‘Não vou cumprir’

Com novas medidas de seguranças impostas, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) reforçou o recado para os pilotos da Fórmula 1 sobre a proibição do uso de joias. No entanto, o protesto puxado por Lewis Hamilton chamou atenção no GP de Miami, no último fim de semana, após o piloto britânico aparecer na coletiva de imprensa com três relógios, oito anéis e vários colares.

Nessa linha, a FIA deu um ultimato ao heptacampeão. Hamilton tem até o GP de Mônaco, no próximo dia 29 de maio, para tirar seu pierncing, que segundo ele está em um local íntimo.

“Não vou cumprir. Tenho uma isenção e vou ter outras pelo resto do ano. Alianças de casamento são permitidas. Vou usar quatro relógios da próxima vez”, disse o piloto da Mercedes.

Além da restrição ao uso de joias, a FIA ordenou o uso de roupas íntimas antichamas para os pilotos usarem durante os treinos e corridas. A entidade tem sido rigorosa nas últimas atualizações nas normas de segurança.

Outro piloto que não gostou muito das proibições foi Sebastian Vettel, o alemão da Aston Martin inclusive usou a cueca antichamas sobre o macacão como forma de protesto no GP de Miami.

“Essa coisa toda de segurança, cara… Quando me falarem sobre joias, me disseram que segurança é tudo. E eu perguntei: “o que aconteceu nos últimos 16 anos? Eu uso joias desde essa época e nunca foi um problema” – concluiu Hamilton.

Publicado por ISTOÉ

COMPARTILHAR

Related posts

Por onde andam as subcelebridades bombadas em 2010?

Redação

Sem contrato com a Globo, Angélica vai ao SBT após 25 anos

Redação

Marcia Novo será atração musical no lançamento do projeto ‘Nossa Terra’ da ADS, no dia 21 de dezembro

Redação

Deixe um comentário